Estava vazio
Vazio de sentido
Sentindo tudo
A flor da pele
Sensível
A qualquer toque sútil
Não mais vazio
Agora cheio
Cheio de lágrimas
Melancólicas
E o sangue surgiu
Agora não mais cheio
Nem tão vazio
Só um alívio
Por todo exagero que sentiu

Sobre a TPM, tão nossa.